comunicação

Notícias

19 de junho de 2020

Clandestinos são
retirados de circulação em AL

Clandestinos são

Os agentes do Grupamento de Ações Táticas de Transporte (GATT) da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) seguem nas ruas fiscalizando e retirando de circulação veículos que fazem o transporte remunerado irregular de passageiros em Maceió. Em mais uma operação realizada nessa quarta-feira (17), nos bairros do Pinheiro, Farol, Bebedouro e Pontal, sete veículos clandestinos foram autuados e removidos pelas equipes do órgão.

“O transporte clandestino prejudica a mobilidade urbana e oferece diversos riscos aos cidadãos que se aventuram a embarcar nesses veículos, tendo em vista que muitos desses automóveis não passam por nenhum tipo de vistoria junto à SMTT e não possuem os equipamentos obrigatórios de segurança em bom estado de conservação”, pontua Alexsandre Serafim, assessor técnico de Transportes da SMTT. “Parte dos condutores flagrados e autuados são inabilitados. Além de colocar em risco a vida da população, essa prática ilegal onera o sistema de transporte público de Maceió, já que os motoristas do transporte pirata passam nos pontos de ônibus e aliciam os passageiros a efetuar o embarque nos veículos clandestinos”, detalhou o assessor técnico de Transportes.

Efetuar o transporte clandestino é uma infração de natureza gravíssima, segundo o artigo 231, inciso VIII, do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). O condutor flagrado recebe multa no valor de R$ 293,47 e perde sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Os veículos removidos são encaminhados ao pátio da empresa Transguard, de onde só são liberados após os proprietários se regularizarem junto ao Município.

Os maceioenses também podem auxiliar nos trabalhos de fiscalização que são realizados diariamente pelos agentes da SMTT. Para denunciar o transporte clandestino, os cidadãos podem acionar o Núcleo de Operações Integradas (NOI) pelo telefone 3312-5340. O serviço funciona 24 horas, todos os dias da semana. As denúncias também podem ser feitas através do aplicativo SMTT Maceió – NOI Cidadão, que está disponível para usuários que possuem um smartphone com o sistema operacional Android.

Fonte: Ascom SMTT

Compartilhe esta notícia

últimas notícias

25 de janeiro de 2021

Empresários do transporte público de Campina Grande

apresentam problemas do setor ao prefeito Bruno Cunha

25 de janeiro de 2021

Sistema CNT lança ebook e site dedicados

à Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais

22 de janeiro de 2021

Número de passageiros de ônibus em Mossoró

cai mais de 90% durante a pandemia

MAIS NOTÍCIAS