comunicação

Notícias

19 de maio de 2020

Juiz extingue ação
que pedia lockdown no RN

Juiz extingue ação

 

O juiz Luiz Alberto Dantas Filho, da 5ª vara da Fazenda Pública de Natal, extinguiu a ação que pedia a decretação de lockdown na capital potiguar e região metropolitana. O magistrado reconheceu a ilegitimidade legal do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Rio Grande do Norte (Sindsaúde) para promover a ação civil pública. Com isso, não houve julgamento de mérito. 
Na ação, o Sindsaúde apontou que o estado tem um dos piores índices de isolamento social na região Nordeste e que o lockdown seria a medida necessária para evitar a disseminação do coronavírus e, consequentemente, mais mortes. A intenção da entidade era de que o isolamento mais rígido tivesse o prazo de 15 dias e compreenderia o bloqueio total da capital potiguar e demais municípios da área metropolitana. 
  
A Justiça pediu que Estado e Município se manifestassem sobre o pedido. A Prefeitura de Natal se posicionou contrária ao lockdown. O Governo do Estado pediu o reconhecimento da ilegitimidade do Sindicato para propor a ação civil pública, "extrapolando os limites de suas atribuições no direito de defender apenas os interesses individuais ou coletivos da categoria dos sindicalizados do Sindsaúde". 
  
Fonte: G1

 

Compartilhe esta notícia

últimas notícias

29 de maio de 2020

Governo de Pernambuco anuncia plano para reabertura econômica

Retorno será gradual e deve respeitar orientações sanitárias

29 de maio de 2020

Prefeitura do Natal diz não ser necessário

adotar regime de lockdown no município

29 de maio de 2020

Desemprego no Brasil sobe para 12,6% em abril

e atinge 12,8 milhões, segundo IBGE

MAIS NOTÍCIAS