comunicação

Notícias

18 de dezembro de 2019

Projeto COLETIVO
é apresentado ao governo

Projeto COLETIVO

Para Jean Carlos Pejo, assessor especial do Ministro do Desenvolvimento Regional Gustavo Canuto, o governo já deveria estar totalmente engajado no COLETIVO, programa de inovação em mobilidade urbana, criado pela Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos (NTU) e promovido junto com os parceiros. "Se dependesse de mim, o governo se integrava hoje, ao COLETIVO", afirmou o assessor durante o primeiro contato que um grupo de técnicos teve com o programa, em Brasília, na semana passada. A maioria aprovou a iniciativa do setor e contribuiu com sugestões para o envolvimento do Governo.O COLETIVO, que se concentra no desenvolvimento de soluções inovadoras com foco no crescimento e na sustentabilidade do transporte público coletivo, logo conquistou a simpatia de técnicos da Secretaria de Mobilidade Urbana durante a atividade "Dia do Coletivo", realizada no projeto #Sextou Semob, que permite aos funcionários da Secretaria ter acesso, por meio de especialistas e entidades, a conteúdos diversos voltados à inovação ou boa prática que possa ser aplicada à mobilidade urbana. "Essa integração entre o Governo Federal e a NTU, por intermédio do COLETIVO, tem grande sinergia", reforçou Pejo.

Na etapa final da atividade, a coordenadora do programa de inovação, Maria Luiza Machado Santos, que também é mentora de negócios dentro da área de pré-incubação do COLETIVO, solicitou que os participantes se reunissem em quatro grupos para elaborar sugestões de engajamento do Governo Federal no programa do setor.

Também atuante na equipe do COLETIVO, Filipe Cardoso, da área técnica da NTU, esclareceu os participantes da atividade sobre a importância do usuário nas diretrizes do programa de inovação, diante do questionamento do grupo sobre a presença do passageiro dentro do programa. "Agora o COLETIVO está buscando parceiros na sociedade para apoiar ações do transporte público coletivo urbano, que também tem como foco o passageiro", explicou o técnico, responsável por atualizar a equipe da Secretaria sobre a evolução do programa, desde que foi lançado até hoje, incluindo informações sobre o número e o tipo de parceiros que já aderiram.

PARCERIA

Apresentado na Semob, na sexta-feira passada (13/12), o programa conquistou a simpatia dos técnicos, que após conhecerem os principais eixos dessa iniciativa, lançada pela NTU em maio deste ano, se envolveram em dinâmica que abriu espaço às sugestões de como o Governo, por meio da Secretaria, poderá se tornar parceiro do COLETIVO. As ideias foram reunidas por cada grupo, encabeçadas pelo assessor especial, Jean Pejo, que de pronto citou a necessidade de criação de um sistema Comunicação dentro do Governo para informar o que está sendo feito em termos de inovação no setor para que as ações realizadas pelo COLETIVO não se dispersem.

Inserir o programa dentro das políticas públicas do MDR foi outra sugestão, assim como o envolvimento da Sembo durante os eventos de planejamento, em que a Secretaria poderia ajudar na construção dos planos de mobilidade urbana dos municípios e promover a capacitação técnica e qualificar projetos nessa área.

De acordo com Matteus Freitas, da área técnica da NTU, após a atividade, a Associação vai produzir documento com as principais sugestões dos técnicos e devolver à Semob para que decidam em quais delas a Secretaria pretende, de fato, se engajar.

Os técnicos também sugeriram que a participação da Secretaria na divulgação do COLETIVO junto às redes de colaboradores e assim também divulgar as boas práticas do programa nos estados e municípios contatos pela Semob.

Impressionada com a capacidade de diagnóstico dos técnicos da Semob, a equipe do COLETIVO, que conduziu a atividade, reconheceu a importância do envolvimento da Secretaria na evolução do COLETIVO. "A equipe do Ministério tem forte capacidade de diagnóstico da área, tem muitas informações sobre o setor e muitos técnicos para colaborar", características fortes e importante para a atuação do Governo no programa, destacou Matteus.

Fonte: NTU

Compartilhe esta notícia

últimas notícias

06 de julho de 2020

Má gestão colapsou sistema de transporte em Natal

Revela consultor técnico do Seturn

06 de julho de 2020

Prefeitura de Natal reforça frota de ônibus

a partir desta segunda-feira (6)

06 de julho de 2020

João Pessoa libera 60% da frota de ônibus

com até 12 passageiros em pé

MAIS NOTÍCIAS