comunicação

Notícias

13 de outubro de 2020

Sest Senat
oferta de cursos a distância

Sest Senat

O SEST SENAT dá um novo passo em direção à ampliação da oferta de serviços e do acesso facilitado aos trabalhadores do transporte e à comunidade. A instituição passa agora a disponibilizar os cursos regulamentados e suas atualizações na modalidade a distância.

A portaria n.º 566/2020, do Contran (Conselho Nacional de Trânsito), homologou, em fevereiro, os cursos do SEST SENAT. Desde então, a instituição trabalha para a adequação dos sistemas, cumprindo as exigências do Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) e dos Detrans estaduais, e para o credenciamento dos instrutores. A instituição capacitou instrutores de todo o país para atuarem como tutores de ensino a distância e já realizou a integração da plataforma EaD com o sistema de validação biométrica facial do Serpro (Serviço Federal de Processamento de Dados), conforme determinado em regulamentação.

A oferta será iniciada em um projeto-piloto, em seis cidades: Florianópolis, Chapecó e Criciúma, em Santa Catarina; Brasília, no Distrito Federal; Macapá, no Amapá; e Rio Branco, no Acre.

Os cursos serão disponibilizados na plataforma EaD do SEST SENAT (ead.sestsenat.org.br). Os conteúdos e as cargas horárias (50 horas/aula para cursos e 16 horas/aula para atualizações) são os mesmos dos cursos presenciais. No entanto, a oferta a distância segue as determinações da resolução n.º 730/2018: o aluno não pode cumprir jornada de estudo de mais de oito horas/aula por dia e deve fazer um intervalo de 50 minutos a cada quatro horas/aula. 

Isso é necessário para manter o nível de concentração e aprendizado. Além disso, em Goiás e Rondônia, as unidades do SEST SENAT estão oferecendo os cursos em ensino remoto. Essa modalidade foi autorizada pela resolução n.º 189/2020 do Contran, enquanto durar a pandemia.

Nela, as aulas são ministradas ao vivo pela internet e devem contar com a participação dos alunos em tempo real. A diferença, em relação aos cursos da modalidade a distância, é que, nesta última, o estudante não precisa acompanhar as aulas ao vivo.

Os estados de Alagoas, Bahia e Sergipe também receberam autorização para o ensino remoto enquanto durar a crise de saúde.

“O SEST SENAT trabalha para facilitar, cada vez mais, o acesso dos trabalhadores, principalmente dos motoristas que estão sempre em trânsito, aos treinamentos ofertados.

Entendemos que, ao disponibilizarmos os cursos regulamentados na modalidade a distância, contribuímos para o aumento da empregabilidade, uma vez que eles são uma exigência legal para assumir determinadas funções no transporte”, afirma Nicole Goulart, diretora-executiva nacional do SEST SENAT.

Fonte: CNT

Compartilhe esta notícia

últimas notícias

29 de outubro de 2020

João Pessoa amplia horário dos ônibus

para atender trabalhadores do comércio

29 de outubro de 2020

Quatro peças marcam nova etapa da campanha de fortalecimento

do transporte público destinada a candidatos nas eleições 2020

28 de outubro de 2020

Termina greve de ônibus em Natal

com acordo entre empresas e trabalhadores

MAIS NOTÍCIAS